Noticias

CNBB envia representante para acompanhar trabalhos no Haiti

   14/06/2014
Fonte: www.cnbb.org.br   

Para colaborar em atividades de inclusão social e de sobrevivência, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), a Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB) e a Cáritas Brasileira promovem  trabalho de solidariedade ao povo haitiano. Periodicamente, a Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial da CNBB envia um representante para visitar e checar os trabalhos de ajuda no país. Amanhã, 15 de junho, a assessora da comissão, irmã Dirce Gomes da Silva, irá fazer esse acompanhamento das atividades desenvolvidas no Haiti.

 

 

 "Desde que ocorreu o terremoto, em 2010, a CNBB e Cáritas realizaram uma coleta nacional de SOS ao Haiti e prepararam um grupo de irmãs que pudessem acompanhar de perto o reerguimento das comunidades em Porto Príncipe”, explicou o bispo de Ponta Grossa (PR) e presidente da a Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial da CNBB, dom Sérgio Braschi.

 

 

 

As religiosas promovem uma ação missionária permanente no Haiti, oferecendo apoio aos habitantes que sofrem, ainda hoje, muitos efeitos da pobreza e com a falta de estrutura do país, agravados pelo terremoto. Uma das propostas do trabalho missionário busca resgatar a dignidade das pessoas, valorizar sua autoestima, reconstruir suas esperanças e projetos.

 

 

 

Irmã Dirce irá analisar o andamento dos trabalhos, dialogar com as missionárias e ver quais formas de cooperar com as atividades, de modo a aprimorá-las. “A irmã Dirce irá se encontrar com a comunidade intercongregacional, das irmãs, fazer uma avaliação do projeto que nós temos e ouvi-las. É um trabalho muito importante”, afirmou o presidente.

 

 

 

Dom Sérgio também já esteve no país e teve suas impressões sobre as urgências da população haitiana. “Estive no Haiti e a gente vê a necessidade de, periodicamente, alguém da nossa comissão, ou da CRB, estar lá acompanhando os trabalhos, além das comunicações que nós temos via internet”, afirmou.

 

 

 

Irmã Dirce Gomes destacou o profetismo dos religiosos no meio dos mais sofridos e necessitados. “É a vida consagrada fazendo-se presente no meio dos mais pobres, mais sofridos, comprometida realmente com o projeto de Deus”, disse.

 

 

 

O terremoto

 

No dia 12 de janeiro de 2010, um terremoto de magnitude 7,0 na escala Richter atingiu o país, provocando uma série de feridos, desabrigados e mortos. Diversos edifícios desabaram, inclusive o palácio presidencial da capital Porto Príncipe.

 

 

 

Com o abalo, a capital haitiana foi vítima de uma grande destruição. Estima-se que metade das construções do país foram destruídas, 250 mil pessoas foram feridas, 1,5 milhão de habitantes ficaram desabrigados e o número de mortos ultrapassou 200 mil.

 

 Catedral Sagrado Coração de Jesus, Todos os Direitos Reservados. Copyright 2018
Desenvolvido por: NIVELDIGITAL